Nossa Radio AO VIVO

quinta-feira, 24 de maio de 2018

Na tarde do dia 24 de maio caminhoneiros interromperam o fluxo de veículos no país. medida foi tomada para conter o aumento no preço dos combustíveis derivados do petróleo, O aumento do preço inflacionaria o bolso dos consumidores. Com a medida a Petrobrás passaria a reajustar o valor dos combustíveis. A imagem mostra uma paralisação feita no município de São Vicente do Sul, por volta das 15:30. Os manifestantes queimaram pneus e depositaram residuonde farelo sobre o asfalto para impedir a passagem de veículos.




Adolescente está desaparecida há três dias em Santa Maria. Flávia Daniele de Lima Pedroso não é vista desde sábado. Uma adolescente de 13 anos está desaparecida há três dias, em Santa Maria. De acordo com Vivien Ferreira de Lima, 34 anos, a filha dela, Flávia Daniele de Lima Pedroso, não é vista desde a tarde do último sábado. Por conta disso, a família registrou um boletim de ocorrência do desaparecimento da garota. ar. Flávia ficou com o irmão mais velho, mas o adolescente também saiu, pouco depois da mãe, e foi para a casa da avó, que mora perto da casa da família - cerca de uma quadra de distância. Com isso, a adolescente ficou sozinha. Quando mãe e filho retornaram para a residência, a garota não estava mais em casa. - Esta foi a primeira vez que aconteceu algo desse tipo. Ela não é acostumada a sair sozinha e, quando eu a deixei em casa, ela estava, inclusive, de pijama. Não temos conhecimento de que ela tenha tido algum desentendimento com alguém, e nenhum dos colegas tem notícias dela - comenta a mãe. Conforme Vivien, a adolescente, que cursa o 6º ano do Ensino Fundamental no Instituto Estadual de Educação Olavo Bilac, não fez contato com ninguém desde a tarde de sábado. No WhatsApp, a última vez que a garota esteve online foi às 16h21min do dia que desapareceu. Quem tiver alguma informação sobre a adolescente, pode entrar em contato pelo telefone (55) 98134-8791 ou diretamente com o 190. FONTE:DIÁRIO SANTA MARIA .RS.http://diariosm.com.br/not%C3%ADcias/geral/adolescente-est%C3%A1-desaparecida-h%C3%A1-tr%C3%AAs-dias-em-santa-maria-1.2069460ACESSO DIA 23/05/2018. Adolescente está desaparecida há três dias em Santa Maria diariosm.com.br Flávia Daniele de Lima Pedroso não é vista desde sábado

Conquista histórica. O presidente da OAB/RS, Ricardo Breier, destaca o avanço que o INSS Digital significa para a advocacia: “A plataforma garante mais agilidade, pois tudo que era feito de forma presencial, poderá ser feito no ambiente virtual. Ou seja, serão feitos via internet os procedimentos como envio de requerimentos de benefícios, protocolo de petições, acompanhamento de processos e resultados, cálculo do tempo de contribuição os advogados”, elenca Breier. “Dessa forma, os advogados que trabalham com o tema previdenciário terão um aumento na qualidade de vida, na economia de tempo, pois evitam o deslocamento até as agências do INSS”, afirma. “É importante salientar que, com essa conquista, abrangemos também, um dos pilares do Plano de Valorização da Advocacia, o combate à captação indevida de clientes e a publicidade irregular, pois as agências não terão circulação de advogados, e aqueles que fizerem captação irregular serão coibidos de forma efetiva”, assevera Breier. O presidente da Comissão Especial de Previdência Social (CEPS), Alexandre Triches, afirma que, no ambiente virtual, haverá a possibilidade de preparar e instruir requerimentos, com a digitalização e autenticação dos documentos inclusive, para posterior análise do INSS, que poderá reconhecer ou não o direito à percepção de benefícios. “Esse é um sonho antigo da advocacia pelo qual a OAB/RS luta há muito tempo. Agora, existe a possibilidade de pedir um benefício quando quiser e de onde quiser: do escritório, de casa ou pelo celular, pois terá um aplicativo”, afirma Triches. Fonte:OAB/RS.acesso dia: 22/05/2018.

terça-feira, 22 de maio de 2018

investigação 92 Médica que agrediu um paciente em posto de saúde responderá a Processo Administrativo Disciplinar 21 Maio 2018 19:26:00 Grupo tem até 90 dias para concluir apuração e decidir se ela será punida Foi aberto, na última sexta-feira, um Processo Administrativo Disciplinar (Pad) para investigar a conduta da médica que agrediu um paciente na Policlínica Ruben Noal, no Bairro Tancredo Neves. A agressão foi registrada no dia 26 de abril. Agora, uma comissão de três servidores municipais, acompanhados por um representante sindical, começa a apurar os fatos. O grupo tem o prazo de 60 dias, que podem ser prorrogados por mais 30, para chegar a uma conclusão que pode ser o arquivamento do caso ou a decisão de absolver ou punir o servidor. A punição pode ser desde uma suspensão com desconto no salário ou até mesmo a demissão. A médica, depois do episódio, entrou em atestado médico. Depois que terminou os dias de atestado, ela entrou em férias. Nesse intervalo de tempo, ela foi notificada para que o Pad fosse instaurado. Os primeiros passos desse trabalho, conforme o controlador-geral do município, Alexandre Lima, será ouvir depoimentos de servidores que presenciaram o fato. A ideia é ouvir o homem que foi agredido também. No dia 5 junho, quando terminam as férias da médica, ela será ouvida pela comissão. Quando as férias chegarem ao fim, a comissão deve decidir, após ouvi-la, se ela será afastada preventivamente - até o final do Pad - ou não. O que acontece no processo só deve se tornar público ao final do trabalho. Depois que a comissão terminar o processo fará um relatório que será encaminhado para apreciação do prefeito. mais sobre: saúde 2018 pad processo administrativo disciplinar ruben noal médica agressão prefeitura santa maria diário de santa maria

segunda-feira, 21 de maio de 2018

Estelionatário que aplicou golpe do celular é condenado. Os Desembargadores da 6ª Câmara Criminal do TJRS condenaram um homem por estelionato em Santa Maria. Ele negociou um Iphone 6 por R$ 200,00 dizendo que precisava de dinheiro para voltar para a família na Colômbia. O aparelho, na verdade, era uma imitação de celular (capa com vidro) dentro de uma meia. Caso Segundo a denúncia do Ministério Público, o homem ofereceu um Iphone 6 para a vítima e seus colegas de trabalho, dizendo ser colombiano e que precisava de dinheiro para voltar para a casa, bem como mostrou uma nota fiscal do produto, fotos da esposa e filhos e, ainda, simulou guardar o objeto dentro de uma meia preta, na qual deu nós nas pontas. Após a negociação, o denunciado recebeu R$200,00 pelo objeto e entregou a referida meia para a vítima, onde supostamente estaria o aparelho. Posteriormente, a vítima conseguiu desatar os nós e viu que se tratava de um golpe, pois dentro da meia havia apenas uma imitação de celular (capa com vidro). Conforme o MP, o homem induziu a vítima em erro, já que se fez parecer que precisava de ajuda para retornar para casa, fechando o negócio e entregando objeto diverso, mesmo recebendo o valor acordado. Na Comarca de Santa Maria, o réu foi condenado a seis meses de reclusão, em regime inicial aberto, om a pena convertida em prestação de serviços à comunidade. Também foi determinado pagamento de 10 dias-multa, além do ressarcimento dos R$200,00 para a vítima do golpe. O defensor público recorreu da sentença. Recurso No TJ, o relator do recurso foi o Desembargador Ícaro Carvalho de Bem Osório, que manteve a sentença condenatória na íntegra. Segundo o magistrado, a vítima relatou que o golpista apareceu em seu local de trabalho ¿ rodoviária de Santa Maria ¿ dizendo que precisava de dinheiro para comprar a passagem de volta para a Colômbia. Primeiramente, ele ofereceu o aparelho a ela e seus colegas por R$ 500,00, mas acabou fechando o negócio por R$ 200,00. Durante a negociação, o homem apresentava um Iphone verdadeiro para que os possíveis compradores pudessem mexer no celular, mas logo depois o recolocava em uma meia. Na hora da entrega, colocou o suposto aparelho novamente na meia e deu três nós. Quando a vítima desatou nós percebeu que não havia telefone nenhum, apenas uma imitação. Dias depois do fato, a vítima viu no jornal que o réu fora preso por outro crime e resolveu ir até a delegacia, na esperança de receber o dinheiro de volta. Conforme o relato da vítima, ela achou estranho o valor que pedido pelo aparelho, mas como ele parecia triste e mostrou as fotos e a nota, decidiu comprar. O Desembargador Ícaro destacou também que o golpista apresentou uma nota fiscal do telefone, o que conferiu legitimidade e credibilidade à sua intenção. ¿De forma ardilosa alternou a exibição de um aparelho original, colocando-o e retirando-o dentro de uma meia que, ao final, serviu para a entrega do bem que, na verdade, não correspondia ao que havia anteriormente mostrado, sequer configurando um telefone celular¿, ressaltou o relator. Também participaram do julgamento as Desembargadoras Bernadete Coutinho Friedrich e Vanderlei Teresinha Tremeia Kubiak. Processo nº 70074594235. EXPEDIENTE Texto: Rafaela Souza Assessora-Coordenadora de Imprensa: Adriana Arend imprensa@tj.rs.gov.br

quinta-feira, 17 de maio de 2018

Dois são presos em Santa Maria durante operação nacional contra pedofilia.

Computadores e dispositivos informáticos foram apreendidos.

Duas pessoas foram presas na manhã desta quinta-feira em Santa Maria durante a Operação Luz na Infância, que busca combater a pedofilia em todo Brasil. Computadores e dispositivos informáticos onde podem estar armazenados conteúdos de pedofilia foram apreendidos na ação. 
Hoje a Polícia Civil cumpre mandados de busca e apreensão em outras 22 cidades do Estado, entre elas Caçapava do Sul e Santiago. Até agora, pelo menos 19 pessoas foram presas no Rio Grande do Sul. Os nomes dos presos não foram divulgados até o momento. 
Esta é a segunda fase da operação, que começou em outubro de 2017. Na época, pelo menos 10 pessoas foram presas no Estado. 
As ocorrências ainda estão em andamento. 
 JORNAL DIÁRIO DE SANTA MARIA.

terça-feira, 15 de maio de 2018

VIOLÊNCIA : BANDIDOS ASSALTAM AGÊNCIA DO SICREDI 15 maio 08:10 2018 Imprimir esta notícia Compartilhe com seus amigos Ataque ocorreu ontem à tarde na filial da Cooperativa de Crédito Sicredi localizada na Rua Anchieta. Além de dinheiro, os três assaltantes, fortemente armados, levaram as armas e os coletes à prova de balas de dois vigilantes. A quantia roubada não foi revelada. No início da tarde de ontem, a agência da Rua Anchieta, da Cooperativa Sicredi foi assaltada por um trio de homens armados. A quantia levada pelos bandidos não foi informada. O roubo causou pânico nos funcionários e clientes que estavam no local. A agência fechou as portas após o ato criminoso. Os acusados invadiram o local, renderam os seguranças e além do dinheiro dos caixas, roubaram os coletes à prova de balas, as armas usadas pelos vigilantes e dinheiro. ROUBARAM coletes, armas e dinheiro, mas ninguém ficou feridoROUBARAM coletes, armas e dinheiro, mas ninguém ficou ferido Os bandidos fugiram em um Citroen C4, onde estavam comparsas que os aguardavam nas imediações da agência. Na fuga, o condutor do veículo em que estavam os três assaltantes colidiu noutro carro. O acidente foi na Rua Álvaro Chaves esquina com a Princesa Isabel. Eles seguiram a fuga a pé, até embarcar em outro veículo que os aguardava. O Citroen foi abandonado pelos assaltantes e recolhido pela Brigada Militar. Foram feitas buscas, mas os suspeitos não foram localizados. OUTROS – Mais estabelecimentos comerciais foram assaltados nas últimas horas. Um deles foi uma padaria localizada no Bairro Fragata. Também foi assaltado um posto de combustíveis localizado na Avenida Cidade Lisboa, no mesmo bairro. Quatro homens armados com pistolas, metralhadora e coletes à prova de balas, invadiram o local e praticaram o roubo. Ninguém ficou ferido. Em Monte Bonito, 9º distrito, um estabelecimento comercial foi alvo de assalto praticado por dois homens que estavam em uma moto Twister, cor azul. Roubaram os R$ 12,00 que tinha no caixa e fugiram.

                                                       fonte diario da manha,de pelotas rs.