Nossa Radio AO VIVO

sexta-feira, 12 de julho de 2013


Terapia Comunitária Integrativa (TCI),
A saúde o mental no município de mata conta com uma nova proposta de trabalho, chamada Terapia Comunitária Integrativa (TCI), a responsável pela saúde mental, Valdete Pain Aver, juntamente com a psicóloga Anusca Rohde e com a Agente Comunitária de Saúde Sirlene Dalosto (Chiquita), estão realizando o curso de TCI em Santa Maria, RS.
Segundo as integrantes do curso a TCI é uma forma de terapia realizada em grupo, que parte de uma situação-problema trazida por uma pessoa ou família. Após a exposição do sofrimento ou da dificuldade, o Terapeuta Comunitário lança uma pergunta para o grupo, motivando a reflexão coletiva. A TCI não cuida das doenças em si, que devem ser tratadas pelos especialistas da área da Saúde. O foco da TCI é criar um ambiente acolhedor onde à angústia que  acompanha toda situação de problema possa ser acolhido. Utilizando os recursos latentes dentro da própria comunidade e dos indivíduos. Todos são convidados a partilhar seus talentos e saberes. Aquele que foi ajudado sente-se melhor, vislumbra soluções para suas dificuldades, descobre competências escondidas e cria novos laços de respeito e afeto dentro da comunidade. Aquele que ajudou também cresce no processo, percebe a riqueza de sua experiência de vida e resgata sua  Autoestima.
Os primeiros encontros já ocorreram na casa de cultura nos dias 05 e 09 de julho e contaram com a presença de muitos integrantes da comunidade matense. Os interessados em participar, favor entrar em contato com pelo fone 96146015 ou diretamente na Secretária de Assistência Social.



  



PALESTRAS PARA ESCOLARES E AGRICULTORES

                 A parceria entre a EMATER-RS/ASCAR, SENAR,  Sindicato Rural e a Secretaria de Educação de Mata,  proporcionou a oportunidade da comunidade escolar e das comunidades do interior de participarem da palestra ministrada pelo fisioterapeuta Alisson Speroto com o tema: “ Qualidade de Vida no Meio Rural”.
               Na semana de 01 a 05 de julho foram realizadas 08 palestras no município nos seguintes locais: Escolas Municipais do Sertão, de São José e  Tiradentes; Escolas Estaduais Florismundo e de Vila Clara e comunidades de São Roque, Boa Esperança e São Xavier.
               O público gostou bastante e participou da palestra com perguntas e opiniões. A palestra tem caráter informativo e motivacional, o objetivo é reforçar o que todos já sabem e fazer com que as pessoas parem para pensar o que podemos fazer para melhorar nossa saúde e prevenir doenças. Ao final é apresentado um vídeo sobre a vida do maestro João Carlos, um exemplo de perseverança para nossa vida.
                O tema Qualidade de vida no meio rural foi muito bem explorado pelo palestrante, abordando problemas enfrentados por todos nós como: stress, depressão, problemas de coluna, diabetes, colesterol, etc. E enfatizando a  prevenção como forma de corrigir e conviver com estas doenças. O bem viver também consiste em atividades e ações que não realizamos mais como visitar os vizinhos, os familiares ou simplesmente parar e fazer algo que gostamos de fazer. A sociedade de hoje exige demais do ser humano, vivemos sob pressão constante e isto tem ação direta em nossa saúde. Mas podemos prevenir ou amenizar o aparecimento de problemas com atitudes simples, como parar o serviço e fazer um alongamento ou sentar de maneira correta ou até mesmo uma caminhada. Atitudes que dependem somente de nós mesmos. O ser humano durante a vida, gasta a saúde para juntar dinheiro e quando se aposenta gasta o dinheiro que juntou para tentar recuperar a saúde.


      
HABILIDADES MANUAIS NAS ESCOLAS.
                       As Escolas Municipais de Sertão e de São José em parceria com a EMATER de Mata, estão desenvolvendo um trabalho de habilidades manuais com alunas do ensino fundamental.
                     O trabalho  desenvolvido é de pintura em tecido, e segundo o projeto apresentado pelas escolas, tem o objetivo de proporcionar aos alunos a oportunidade de desenvolverem suas aptidões, o senso artístico e inventivo, o hábito da observação, imaginação e criatividade favorecendo o aprendizado em diferentes áreas do conhecimento. 
                    As escolas través da Secretaria de Educação providenciaram  o material e a extensionista da EMATER  ministra as aulas.
                   As alunas estão adorando a oportunidade de aprender a pintar , estão se comportando bem e trabalham com bastante interesse. Além de estimular o aprendizado  e a concentração,  a pintura em tecido também oportuniza o desenvolvimento do gosto pela arte. O trabalho artístico além de promover a inclusão social, também proporciona a oportunidade das alunas receberem informações técnicas e sociais pela extensionista, já que o público atendido são filhos de agricultores do município. 

     


PMAQ   3
                ESTAMOS NOVAMENTE TECENDO CONSIDERAÇÕES SOBRE O PROJETO DE LEI 33/2013 QUE ALTERAVA A LEI DE 2012 DOS 100% DA VERBA PARA OS SERVIDORES DA SAÚDE, COMO JÁ  É PÚBLICO, E A ALTERAÇÃO PRETENDIDA SERIA DIVIDIR PARA COM 50% INVESTIR PA MELHORAR AS AÇÕES BÁSICAS DE SAÚDE PARA O POVO, AÇÕES ESSAS QUE OS 6 VEREADORES MATENSES DISSERAM NÃO. 
 Há questionamentos que foram 5 a 3 mas todos sabemos que a Presidenta só  vota em caso de empate mas a campanha anterior dela em torno desse projeto era a favor e se acontecesse da mesma ter que votar teria dado o mesmo resultado.       
                Nossas ponderações continuam pois somos POVO, e povo precisa de respeito e explicações..
As explicações se houve aleatoriamente sobre o projeto  que havia erros e M coisas, MAS QUESTIONAMOS, e as emendas MODIFICATIVAS que permitem alterações nos projetos que ficam com alguma coisa que precisa ficar mais de acordo com o que o POVO precisa , e  perguntamos  ainda se cada VEREADOR  tinha em mãos as  PORTARIAS onde estava elencado onde as verbas do PMAQ podiam ser usadas porque não alteraram?
 VEREADORES MATENSES, o POVO os elegeu para os representarem  na Câmara, porque o senso de responsabilidade não falou mais alto do que siglas ou divergências partidárias? O povo quer saúde para todos, não chegar em um outono rigoroso e um início de inverno e não ter CICLO 21, AMOXILINA OU PREDNISONA NA farmácia do POSTO para medicar quem precisa.´” Há!!!! Mas VERBAS DO PMAQ NÃO DÁ PARA COMPRAR MEDICAMENTOS, disseram alguns, volto na TECLA DAS EMENDAS, altera-se, COMPRA O QUE PODE  O QUE A LEI PERMITE, E SOBRA AS OUTRAS  VERBAS para os MEDICAMENTOS. O questionamento é também FALTA DE VERBA OU DE PLANEJAMENTO”?
Quanto aos SERVIDORES da saúde é nossa obrigação também colocar QUE COM pequenos AJUSTES tudo FICARÁ BEM, POIS CADA UM SABE A QUE VEIO, mas hoje falo sobre os MOTORISTAS  DA SAÚDE, classe valorosa, incansáveis, pois somos testemunhas que muitas vezes passam  dias inteiros  na estrada, desempenhando com MAESTRIA  as ATRIBUIÇÕES do cargo que fizeram jus ao serem aprovados e nomeados no concurso que escolheram.
Élida Bevilaqua – RG 1022919888