Nossa Radio AO VIVO

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Foto: Soldado Estevan / Seção de Comunicação Social da 3ª Divisão de Exército.

Simulação inédita no Exército é realizada na Região Central

Exércícios de simulação integrada ocorrem até sábado no Centro de Adestramento Simulado, em Santa Maria, e também em Saicã

Simulação inédita no Exército é realizada na Região Central  Soldado Estevan /Seção de Comunicação Social da 3ª Divisão de Exército
Foto: Soldado Estevan / Seção de Comunicação Social da 3ª Divisão de Exército
Desde o dia 10 de setembro, a Região Central é palco de um Exercício de Simulação de Combate Integrado inédito no país. Até sábado ocorrem no Centro de Adestramento Simulado, em Santa Maria, e também em Saicã, exercícios de simulação integrada que reúne três modalidades: a construtiva, a virtual e a viva.
Coordenado pelo Comando de Operações Terrestres (COTER), a simulação integrada trata-se de uma ferramenta de adestramento de tropas amplamente utilizada pelas Forças Armadas de diversos países.
Dentro dos exercícios, a simulação viva é o grau mais avançado de verificação do adestramento e certificação. É desenvolvida neste exercício no Campo de Instrução Barão de São Borja - Saicã, na Guarnição de Rosário do Sul. Esta simulação busca o enfrentamento da tropa avaliada e de uma Força Oponente devidamente preparada para criar as dificuldades reais.
Já a simulação virtual, que é a primeira etapa, torna-se a ferramenta ideal de preparo para a simulação viva. Esta modalidade simula o campo de batalha na rede de computadores, por meio de cartas ou mapas digitalizados.

Por fim, a simulação construtiva simula cenários operacionais, através dos exercícios de simulação de combate e jogos de guerra. Trata-se de uma importante ferramenta para o treinamento do planejamento militar. Atualmente, esta modalidade utiliza o programa Combater e tem como objetivo preparar, adestrar e certificar para o combate real.